07 setembro 2007

Cidade dos estudantes

Coimbra vista do Forum Coimbra. A cabra da velha torre lá em cima, a Sé Velha mais à esquerda, o Mondego em baixo...
Aqui vivi muitos anos com os meus Pais. Aqui vive a minha Mãe e duas das minhas irmãs. Aqui, no Liceu Infanta D. Maria, fiz o 6º e o 7º anos. Aqui, na Faculdade de Ciências da Universidade de Coimbra, fiz os preparatórios de Engenharia Química. Aqui assisti às latadas e à Queima quando estes festejos tinham razão de ser; eram festas genuínas dos estudantes não patrocinadas pelos produtores de cerveja. Aqui assisti aos acontecimentos de 1969, que começaram quando Américo Tomás e a sua comitiva foram vaiados pelos estudantes, na inauguração do edifício das Matemáticas, e culminaram com a greve geral de estudantes. Em todo este conflito eu estive inocente acreditando que não era um movimento político... era muito nova!... Aqui aprendi a ouvir o fado de Coimbra.
Uma cidade que marcou muitas gerações.

4 comentários:

Liliana F. Verde disse...

Marca e continuará a marcar.

A mim, marcou-me porque lá nasci e estudei.

GP disse...

Que engraçado! Não imaginava que, hoje em dia, ainda houvesse aquela nostalgia de quem estudou em Coimbra e relembra a "terra dos estudantes". Também não me passava pela cabeça que tivesses lá nascido. Eu, que estou tão ligada a Coimbra, nasci na Invicta. Acaso?! Destino?!

Beijinho

joao disse...

E continuará a marcar...será a Cidade Eterna dos Estudantes, onde cresci, estudei e ainda hoje levanto o olhar pa Torre da Universidade e lembro-me dos momentos únicos que passei nesta Cidade :)

GP disse...

Olá, joão!
Que negraçado teres feito um comentário a este post quando eu acabo de chegar de Coimbra com novas imagens da cidade dos estudantes.
Bela terra que tão boas lembranças deixa a quem teve a sorte de lá estudar.

Beijo