08 dezembro 2009

O mar da Foz...


...hoje.

6 comentários:

Gaivota Maria disse...

Como é que a gente não há-de gostar deste mar? Bj

Graça Pimentel disse...

Gaivota Maria
O mar é sempre belo. E este é nosso.

beijo

JOSÉ MODESTO disse...

Ser pobre um dia não custa nada.
Custa é selo todos os dias…

Será que durante este mês (pelo menos) a CMM vai disponibilizar alojamento e refeições aos que mais precisam?
Natal é quando a gente quiser.

Saudações Marítimas
José Modesto

Graça Pimentel disse...

José Modesto
Pela parte do Lions Clube de Matosinhos, já há várias pessoas com o seu Natal mais composto.
Se é precisa ajuda, pede-se a quem tem pouco. Quem tem muito tem dificuldade em dar.

Um abraço

JOSÉ MODESTO disse...

Drª.Graça Pimentel.
Para uma pessoa como eu que trabalho desde os meus 14 anos, no pouco tempo livre que tenho dedico aos mais necessitados, participo no banco alimentar, faço voluntariado em várias instituições.
Se reparar na blogosfera lanço alguns reptos (e agradeço a amabilidade que tem tido em publicar)faço alguns alertas as nossas entidades afim de que algo se faça sempre em prol dos mais necessitados, mas também lançar ideias para que a nossa cidade seja melhor.
Por vezes dizem-me que eu sou um pouco chato...mas tenho a profunda convicção que aquilo que faço e lanço visa somente melhorar a nossa forma de ser e de estarmos na sociedade.
Tenho a minha coluna de opinião todas as semanas no Jornal de Matosinhos, procuro não magoar ninguém e faço um apelo a todos:
Aquilo que está mal, devemos criticar com elevação e respeito.
Aquilo que está ou se faz de bem, devemos aplaudir.

Saudações Marítimas
José Modesto

Graça Pimentel disse...

José Modesto
Não podemos ficar de nraços cruzados vendo o desmoronar de tanta coisa que foi o suporte da nossa sociedade. Temos que ser interventivos. Quanto ao voluntariado isso dava para muitas páginas.
Não deixe de ser "chato". É destes chatos que todos precisamos

Um abraço