17 fevereiro 2009

Casa de Chá/Restaurante da Boa Nova

O convite que hoje me fazeram para ir tomar um café ao bar de Fuzelhas alterou os meus planos. A troca permitiu-me, além de uma boa conversa em óptima companhia, um passeio lindo pela marginal de Leça até à Casa de Chá da Boa Nova. Obrigada, Vento, pelo convite.

Nesta casa, que nasce dos rochedos e se debruça no mar, Siza Vieira foi feliz.

9 comentários:

mdsol disse...

Vou confessar-te uma coisa...houve um tempo em que, quando "estava com a telha", ia para a Casa de Chá da Boa Nova curtir a neura...
Que bom deve ter sido o teu passeio.
:))

Pulsante disse...

Minha Senhora,

Devo dizer que não é sem um certo temor que me atrevo a comentar aqui neste seu solar. À cautela não passo do portão e portanto este comentário vai “berrado”, não por hostilidade mas porque a distância (daqui do portão até aí à poltrona) assim obriga.
O temor, em epígrafe referido, resulta de duas razões: a primeira é que sou possuidor de fundilhos; a segunda deve-se ao rumor que algures escutei que a minha Senhora ferve em pouca água, havendo quem diga que é mesmo useira e vezeira em actos violentos. A relação entre os fundilhos e o rumor é óbvia.
O comentário é o seguinte (o acima escrito foi singela introdução): o Siza é sempre feliz, os demais que convivem com o produto da sua felicidade é que nem sempre.
Tenho dito!
Aceite a minha Senhora os meus mais humildes cumprimentos, que destapando-me (e curvando-me, ligeiramente é certo, mas curvando-me inequivocamente) lhos ofereço.
Bem Haja e Passar Bem.

Gaivota Maria disse...

Só que a partir daqui acabou-se-lhe a felicidade. Agora o que faz ninguém percebe. Mas com este sítio e com a idade que ele então teria quando desenhou o Casa (andaria pelos 35/40) a visão dele era menos complicada

Graça Pimentel disse...

mdsol
Ficavam caras as curas dessas neuras...
Foi um passeio magnífico.

Beijinho

Graça Pimentel disse...

Meu caro Pulsante
ahahahah
Adorei a singela introdução bem como os humildes cumprimentos, a vénia, o Bem Haja e o Passar bem. Divino!
Disseram-te coisas horríveis a meu respeito. É a campanha negra que está a ser urdida para denegrir a minha imagem de aposentada honesta. Logo agora que se aproximam eleições... Terá sido algum tio meu? Um primo?
Relativamente ao comentário propriamente dito, estamos de acordo. Siza está feliz mas causa infelicidade a outros. Tive que desistir de um ciclo de leitura com a Maria João Seixas porque não aguentava mais de duas horas nas sinistras cadeiras da Biblioteca do Museu de Serralves... Uma amiga minha cosstuma dizer que o Siza gosta de edifícios mas detesta pessoas. Se calhar é...

Aproveito para chamar a atenção que esta prosa toda não substitui o "esfola"...

Cumprimentos, Bem Haja e Passar Bem

Já agora um beijinho com saudade

Graça Pimentel disse...

Gaivota Maria
Pelos vistos já somos muitos a achar que houve retrocesso nas obras de Siza.
Aquela enorme marginal de Leça não tem uma sombra nem um banco. Não passa na cabeça de ninguém!
Mas em Matosinhos temos o mesmo. cimento, cimento e mais cimento...
Será que estes arquitectos não vêm que estes locais de passeio são mesmo para passear e que devem ter o necessário... sombras e bancos.
Mas os "burros" somos nós - diria o Scolari...

beijinho

Beijinho

Pulsante disse...

Minha distintíssima Senhora,

Bem sei, bem sei...mas há que ser pio...esfolados já eles estão...

Cumprimentado-me, destapando-me e um-quarto-curvando-me, despeço-me com um

Bem Haja e Passar Bem

PS Quanto à fonte da maledicência, lamento não poder revelar, está em segredo de justiça. Adianto-lhe apenas que não foi nem tio nem primo, antes uma filha de uma Senhora Sua Tia.

Pulsante disse...

Re PS
Cumprimentos ao Senhor Eng. Narciso.

Graça Pimentel disse...

Meu caro Pulsante
Essa do "há que ser pio..." encheu-me as medidas. Tem um aroma a monarquia...

O segredo de justiça, deixa-me louca. Com a família imensa que eu tenho, como vou saber que filha de que tia me anda a difamar?

Vossa Excelência tem uma cultura muito acima da média (o que, convenhamos, não é grande elogio mas tenha a amabilidade de o entender como tal). Eu desconhecia que o Narciso se tinha licenciado em Engenharia. Deve ter sido o último a sair da Universidade Independente antes de fecho da dita. Não?
Agradeço a informação porque esse pequeno pormenor vai alterar o meu voto nas próximas autárquicas.

Os meus mais respeitosos cumprimentos e uma santa noite na companhia da sua adorada esposa (violentei-me para escrever esposa mas achei que aqui ficava bem)