11 julho 2007

Cá estão eles!

Fui desafiada pela ka e não posso deixar de responder ao desafio.
O tempo por aqui tem escasseado pelo que escolhi 5 dos livros de que mais gostei e que me vieram à ideia. Haveria muitos mais mas estes vale mesmo a pena serem lidos.
A Sombra do Vento, de Carlos Ruiz Zafón (Dom Quixote). Estou a acabar de o ler e tem-me acompanhado todos os dias no metro. Muito a meu gosto.


O Riso de Deus
de Alçada Baptista (Presença). Um dos livros mais manuseados por mim. Com montes de sublinhados e post-its. Delicioso.


O Principezinho
de Antoine de Saint Exupéry (Editorial Aster). Já com a capa amarelecida do tempo e das muitas vezes que foi aberto e fechado. O livro dos livros com lições para todas as idades. Divino.

As velas ardem até ao fim de Sándor Márai (Dom Quixote). Um livro que li há pouco tempo e de gostei imenso.

O Livro das Ilusões
de Paul Auster (Edições ASA). Nunca tinha lido nada deste escritor e comecei por um de que gostei imenso.
E aqui ficam as próximas vítimas:

10 comentários:

António disse...

Olá, Graça!
Agradeço a consideração que revelaste por mim ao "desafiar-me" mas eu nunca alinhei nestas coisas.
Já fui convidado para muitos "challanges" mas nunca aceitei: uma questão de princípio editorial do blog...eh eh.
Algumas pessoas já sabem dessa minha opção e nem me dizem nada.
Outras, como tu, vão ficando a saber.
Obviamente, sei que não vais ficar zangada.

Beijinhos

GP disse...

Claro que não fico zangada, António.
Boas férias.

Beijinho

Um Ar De... disse...

Fico muito lisongeada pela escolha, mas nem sei se mereço.

Logo, logo, de repente lembrei-me de 4 livros que adorei ler, pela estrutura narrativa estranha... O Quarteto de Alexandria de Lawrence Durrell. Li-os há muitos anos na versão original, trazidos da Biblioteca do Instituto Britânico do Porto. Mais tarde, apareceram as traduções e comprei-as... Não foi bem a mesma coisa.
Como só posso escolher mais um, o que é uma pena, lembrei-me de outro, trazido da Biblioteca de Proença-a-Nova, pela primeira vez, desfolhado por mim: Os Filhos da Meia-Noite de Salman Rushdie.
Como vez, nenhum era meu, de facto.
Não poderia utilizar o scanner e colocá-los num post.
Foram meus, por alguns dias e perduram na memória.

Beijo

Gi disse...

Respondi-te lá no meu sítio porque o tempo tem sido escasso mas agora estou aqui (tarde e a más horas).
Este desafio repete um pouco o da "batata quente" a que respondi o mês passado. A diferença é que o outro também pedia para indicarmos os 5 últimos livros lidos. Depois actualizo a informação e respondo.

Conheces o coellhinho da Alice no País das Maravilhas que anda sempre com um relógio gigante e a dizer "estou atrasado, estou atrasado"? Pois o coelhinho agora sou eu !

beijinhos e bom fim de semana

GP disse...

um ar de...
Todos merecemos dicas sobre livros que os outros leram e aconselham e que possamos não ter lido nem sequer conhecer. No caso dos dois que referes não li nenhum e, do primeiro, nem nunca ouvi falar. Aprendemos sempre. Pena que não sejam teus... eu gosto de ler livros meus - sublinho, ponho notas, post-its...

Beijinho

Beijinhos

GP disse...

gi
Viraste coelhinho... eheh

Beijinho

Um Ar De... disse...

O Quarteto de Alexandria corresponde a 4 livros "gordinhos", com os seguintes títulos, sequenciais (ou não...): Justine, Baltasar, Mountolive e Clea. Para mim, foi uma descoberta interessantíssima. Vale a pena. Só tenho as traduções em português.
Também estou a ler A Sombra do Vento...

KA disse...

Graça,

Obrigada por teres respondido ao desafio!!

Quanto aos livros comprei no sábado "A sombra do vento" e estou muito curiosa para o ler pois só ouvi falar bem dele.

Beijinho e uma óptima semaa

GP disse...

um ar de...
Obrigada pelas informações sobre o Quarteto de Alexandria. Como dizia a minha filha mais nova quando era pequenita "eu curioso-me".
Quando ler o que tenho em fila de espera, pode ser que me tente pela tua sugestão.

Beijinho

GP disse...

ka
Vais ver que não te arrependes de ler "A Sombra do Vento". É um livro espectacular.
Quando vais de férias?
Como está o Luis?

Beijinho