14 outubro 2008

Branco no verde

Continuo à espera que a reforma chegue. Entretanto vou planificando aulas, elaborando testes, preenchendo grelhas aos milhares, substituindo colegas, elaborando documentos, assistindo a reuniões e engolindo sapos e mais sapos e mais sapos, ou seja, tenho trabalhado um pouco para os alunos e muitíssimo para a inutilidade a que me obrigam. Tudo isto me tem impedido de vir aqui.
Hoje resolvi tirar uns minutos para mim e vir aqui colocar uma flor. Uma coisa bonita para amenizar a estupidez com que a lei ocupa o meu precioso tempo. Por pouco tempo, espero.

8 comentários:

Parapeito disse...

O que interessa é que apareça...
E ir tendo paciência ...e estômago
para engolir tantos sapos...

Bonita a flor que aqui deixou para nós.

********

mdsol disse...

Linda gp

Já tinha estranhado. Fazes falta! Mas, imaginei o motivo. Aliás ando um pouco assim também! A tua flor é muito bonita! A tua fotografia fez-me bem!
beijinho
:))

mfc disse...

Tu e tantos outros que pediram a reforma.
Sei o que é isso, que cá em casa também se gasta disso...

Ka disse...

Bonita e alegre esta flôr :)

beijinho grande querida Graça

Graça Pimentel disse...

parapeito
Paciência ainda se arranja mas estômago para engolir tantos sapos é que é mais difícil...

Tudo de bom

Graça Pimentel disse...

mdsol
Foram muitos, muitos dias sem aparecer aqui. E ainda ando a fazer visitas de médico...

beijo amigo

Graça Pimentel disse...

mfc
Somos aos milhares a "desistir" de ajudar a formar os jovens deste país. A isso nos obrigam...

Graça Pimentel disse...

ka
Cá continuo à espera do correio que me permitirá fazer o que anda adiado. Por exemplo, ir almoçar contigo.

Beijo grande